Fundo Diocesano de Solidariedade apoia projetos de defesa do meio ambiente e da vida

Confira a experiência de um dos projetos apoiados pelo Fundo Diocesano de Solidariedade, o Centro Assistencial e Educacional Padre Giocondo.
72f11b44-d7ed-4dd3-99d0-3be3b3a6b1b2

“Mudar o mundo para melhor começa comigo! Com você! Fazendo minha parte… a nossa parte”. Este é o tema do projeto que o Centro Assistencial Educacional Padre Giocondo (CAEPG) teve aprovado em 2016 pelo FDS da Arquidiocese de Curitiba.

O Centro atende 120 crianças de 6 a 12 anos, oferecendo espaços de convivência, formação para a participação e cidadania, desenvolvimento do protagonismo e da autonomia das crianças, através de ações socioeducativas, pautadas em experiências lúdicas, culturais e esportivas como forma de expressão, integração, aprendizagem, socialização e proteção social. Oferece às crianças oficinas como: arte educação; atividades físicas e modalidades esportivas; violão; informática; matemática; projetos de extensão; contação de história; rodas de leitura e conversa; espiritualidade.

Pelo projeto apoiado no FDS a equipe técnica conseguiu proporcionar ações educativas e de sensibilização de consciência solidária para as crianças.

“Realizamos uma ação pontual e marcante – o ‘Mutirão do Bem’ – em parceria com a comunidade, familiares, educadores, religiosos e as crianças assistidas pelo CAEPG. Nesse mutirão aconteceu a pintura e grafitagem dos muros, cuidados com o jardim, construção da horta e cuidados com o espaço local. Com isso, ressaltamos a importância do sentimento de pertencimento e a responsabilidade de cuidar do meio ambiente”, comenta a equipe.

Pelo projeto foram desenvolvidas também algumas atividades tais como: caminhada sustentável pelas ruas do bairro até a Estação de Sustentabilidade, onde as crianças falavam sobre a corresponsabilidade de um bem comum, uso consciente da água e separação adequada do lixo; rodas de conversa e pesquisas no laboratório de informática reforçando as informações sobre a separação adequada do lixo e motivando crianças a multiplicarem estas ações em casa e na comunidade.

Outra ação concreta possível de ser realizada com o recurso do FDS foi a substituição nos banheiros das torneiras convencionais por torneiras temporizadas, dirimindo a quantidade de água consumida na higienização das crianças e a sensibilizando para o uso consciente da água. E no salão e refeitório foram colocadas as lixeiras separando lixo comum e reciclável. Na área externa da instituição a lixeira conta com a separação de recicláveis.

Com todos esses trabalhos realizados junto às crianças, a equipe do Centro parabeniza o apoio financeiro do FDS: “o resultado foi positivo e satisfatório, pois observamos mudança de comportamento das crianças no dia a dia aqui, no Centro Padre Giocondo e também a partir de relatos dos pais”.

Sua intuição, paróquia, movimento ou grupo pode ter apoio também do Fundo Diocesano de Solidariedade

O Fundo apoia projetos de até R$ 12.000. O Edital de 2017 irá selecionar projetos que tenham relação com a Campanha da Fraternidade, que neste ano tem como tema “Fraternidade: Biomas brasileiros e defesa da vida”.

Inscrições até 19 de maio. Acesse o edital aqui.

 

Curta Nosso Facebook
Comissões Pastorais

Boletim Informativo