“A comunicação da Igreja deve transmitir o fascínio do Evangelho que encontra a humanidade”, diz prefeito da Secretaria para a Comunicação da Santa Sé

noticias.cancaonova.com:

logo-muticom-2017

Está em andamento na diocese de Joinvile (SC), até o dia 20 de agosto, o 10º Mutirão Brasileiro de Comunicação (Muticom). A edição deste ano tem como tema “Educar para a Comunicação”, com o objetivo de ajudar na compreensão da comunicação como instrumento de comunhão e progresso humano, assim como auxiliar e aprimorar a leitura de conteúdos disponibilizados pelas diversas mídias.

A palestra de abertura foi realizada na noite do dia 16 pelo prefeito da Secretaria para a Comunicação da Santa Sé, Monsenhor Dario Eduardo Viganò. Ele falou sobre o tema “A comunicação na Igreja na perspectiva do Papa Francisco”.

Em entrevista à imprensa durante o Muticom, Monsenhor Viganò destacou o desejo da Igreja de comunicar o Evangelho da Misericórdia. “A Igreja deseja comunicar a cada homem e mulher o Evangelho da Misericórdia. Não usa uma estratégia sedutora, de proselitismo, mas transmite o fascínio de quando o Evangelho encontra a humanidade, talvez uma humanidade ferida, na queda, pecadora, mas sempre uma humanidade que tem gosto e sabor de Deus”.

Monsenhor Viganò também comentou o processo de reforma nos meios de comunicação do Vaticano. “Se desmontam as estruturas mas se mantém os serviços, isso significa que o novo único portal de comunicação multimídia terá vídeos jornalísticos, imagens, textos e podcast. Portanto, todos os elementos típicos estão presentes em um quadro unitário com grupos funcionais e uma direção editorial”.

 

Comissão da CNBB para a Comunicação

O presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB, Dom Darci Nicioli, arcebispo de Diamantina (MG), também participa do evento.

“Nós queremos formar todos os nossos agentes da comunicação, no sentido deles melhor se qualificarem justamente para realizarem uma comunicação que liberta. Por isso ‘educar para a comunicação’, que é um conceito que está em evolução no mundo da comunicação”.

O bispo acrescentou que educação e comunicação são realidades complementares, é um encontro de dois conceitos. “Nós entendemos quão importante é se qualificar e usar de todos os meios possíveis para comunicar, mas também colocar os meios que temos a serviço da educação, construir um ecossistema de comunicação a serviço de uma educação libertadora”.

“Nós que somos comunicação, nós não só fazemos comunicação, nós somos comunicação, é muito importante que cresçamos na capacidade crítica para separar o joio do trigo a fim de que a verdade brilhe. E é muito importante a verdade que tem o seu nascedouro nos princípios e valores do Evangelho, afinal de contas, nós cristãos não comunicamos outra coisa se não Nosso Senhor Jesus Cristo”, finalizou Dom Darci.

Nesta décima edição, o Muticom conta com cerca de 600 participantes.

Acompanhe a cobertura da Rádio Canção Nova aqui!

 

Fonte: Canção Nova – da redação, com Fabiana Sá e Silas Oliveira, da Rádio CN Curitiba (Colaborou com a tradução Rodrigo Luiz)

Curta Nosso Facebook
Comissões Pastorais

Boletim Informativo