O que nos diz Nossa Senhora Aparecida?

Pe. Flávio Sampaio de Paiva é sacerdote da Prelazia do Opus Dei, em Curitiba. Doutor em teologia Moral pela PUSC-Roma.

(e-mail: flaviospaiva@gmail.com)

capa-do-livro-mensagens

Desde o encontro da sua imagem no Rio Paraíba do Sul, a devoção a Nossa Senhora Aparecida foi se consolidando de uma maneira espontânea e viva por meio de atitudes, palavras e gestos afetuosos, próprios dos filhos para com a Mãe. Hinos, cantos litúrgicos, orações e até poemas e canções populares foram compostos em sua honra. Reproduções da pequenina imagem espalharam-se por numerosas igrejas, capelas, oratórios e lares cristãos do Brasil… Novenas a Nossa Senhora Aparecida são realizadas nas centenas de paróquias dedicadas à nossa Padroeira.

 

Milhões de pessoas vão anualmente a Aparecida abrir o coração a Maria. Contam-lhe alegrias e tristezas, sucessos e fracassos; compartilham com Ela os bons desejos dos seus corações, os nobres ideais que neles brotaram… Desabafam com sua Mãe espiritual as preocupações, dificuldades e necessidades da vida, depositando-as em suas mãos misericordiosas e recebendo consolo e conselhos maternais.

 

Para crescermos e aprofundarmos ainda mais na devoção a Nossa Senhora Aparecida devemos conhecer cada vez melhor a história da sua ‘aparição’ e da sua poderosa intercessão, para desvendar o que nossa Padroeira nos tem a dizer.  Com esse intuito escrevi o livro “Mensagens de Nossa Senhora Aparecida” (www.quadrante.com.br).

 

Como é sabido, em alguns outros lugares do mundo como, por exemplo, em Fátima e Lourdes, Nossa Senhora deixou-nos mensagens através dos videntes das suas aparições. Cabe-nos perguntar: Maria teria alguma mensagem a nos deixar em Aparecida? Como em Aparecida Nossa Senhora não se manifestou, propriamente, a algum vidente, somente podemos desvendar suas mensagens por meio da interpretação dos sinais que ela nos deixou.

 

Considerando na oração os belos sinais que Maria nos deixou em Aparecida, penso que podemos atribuir-lhe resumidamente as seguintes mensagens:

 

  • Se a minha imagem Aparecida era de Nossa Senhora da Conceição, foi para recordar aos meus filhos o desejo que tenho de que sejam santos e imaculados na presença de Deus.
  • Se a minha imagem foi resgatada em duas partes – cabeça e corpo, que se encaixavam perfeitamente – foi para recordar aos meus filhos brasileiros a importância de que a razão domine os sentimentos, a fim de que possam cumprir a vontade de Deus em cada momento de suas vidas.
  • Se, logo após o encontro da minha imagem, produziu-se uma pesca milagrosa, foi para que soubessem que contavam com a minha intercessão maternal para realizar um apostolado fecundo no Brasil.
  • Se, com a pesca milagrosa, salvou-se o banquete oferecido ao governador, foi para que não esquecessem jamais que eu sou Mãe de Misericórdia, atenta até mesmo às menores necessidades dos meus filhos.
  • Se, quando o povo rezava diante da minha imagem, fiz com que as velas se reacendessem, foi para que recorressem à minha intercessão sempre que desejassem que o fogo do Amor de Deus se reanimasse em suas vidas.
  • Se libertei um escravo de suas algemas foi para que não se esquecessem que meu Filho deseja que todos os homens sejam livres, principalmente da escravidão do pecado, e que me implorassem com confiança a sua libertação.
  • Se permiti que a minha imagem fosse despedaçada em mil fragmentos e depois restituída em sua integridade foi para manifestar o ardente desejo do meu Filho de alcançar a unidade da Igreja e a unidade de vida de cada cristão.
  • Se alcancei a tantos romeiros imensas graças de Deus no Santuário Nacional foi para que tivessem a certeza de que eu, a Virgem Maria, estou com vocês, também no Brasil, manifestando sempre o meu amor maternal.

 

Espero que através da leitura destas “Mensagens de Nossa Senhora Aparecida”, Santa Maria também lhe fale ao coração, e que Deus o ilumine para que estas mensagens fiquem sempre gravadas em sua memória, a fim de que todos possamos também dizer: Faça-se em mim segundo a tua palavra (Lc 1, 38).

Curta Nosso Facebook
Comissões Pastorais

Boletim Informativo