Arquidiocese de Curitiba marcou o Dia Mundial da Comunicações com programa de TV

img_4919

A Igreja Católica celebrou no último domingo, 2 de junho, o 53º Dia Mundial das Comunicações Sociais, propondo um amplo debate público sobre redes sociais e comunicação social como forma de promover encontro das pessoas.

A Comissão de Comunicação da Arquidiocese de Curitiba marcou essa data com uma programação especial: a realização de um programa de TV, em parceria com a TV Evangelizar. O programa ‘Diálogos – Bate papo sobre o Dia Mundial das Comunicações Sociais’ reuniu profissionais da mídia para uma conversa sobre os temas relacionados à mensagem do Papa Francisco sobre esta data e foi transmitido ao vivo para todo o Brasil.

dsc_0724

A internet como potencializadora das relações entre as pessoas, o combate às “fake news” e a valorização da comunicação que proponha soluções para a comunidade foram alguns dos temas abordados na mensagem do Papa e que também fizeram parte do programa de TV.

“Podemos falar sobre redes sociais ou qualquer outro meio de se comunicar, que a conclusão será similar. As ferramentas são boas, fazem muito bem, mas ao mesmo tempo podem disseminar ódio, gerar conflitos. Antes de tudo, o que temos é a ‘palavra’ e a pergunta sobre o que faremos com ela. Se queremos amar, é um instrumento poderoso. Que a utilizemos para edificar a paz e o bem ao alcançar os outros”, comentou o arcebispo de Curitiba, Dom José Antônio Peruzzo, ao responder sobre um dos eixos centrais do bate papo, o uso das redes sociais.

Participaram do bate papo também os profissionais de imprensa: José de Melo, diretor da TV Evangelizar; Jasson Goulart, apresentador e repórter da TV RPC; Taisa Echterhoff, repórter e produtora da Rede Vida; Kelly Kruschewsky, produtora da rádio Canção Nova; Sérgio Silva, jornalista e apresentador da Rádio e TV Evangelizar; além do coordenador da Comissão de Comunicação da Arquidiocese, Padre Luiz Kleina. Adilson Arantes foi o mediador da conversa.

A responsabilidade e os desafios em comunicar foram temáticas que renderam reflexões de todos os convidados. “O que Jesus disse repercutiu por quem Ele é, mas também porque Seu modo de falar chagava aos ouvidos e corações”, comentou o arcebispo em uma das falas ao início do programa, seguido por comentários diversos sobre o tema. “Os desafios da época são os mesmos de hoje para os profissionais de comunicação: chamar a atenção e encantar. Mesmo quem não é comunicador por profissão, hoje tem responsabilidades ao comunicar nas redes sociais”, complementou Jasson Goulart.

A reflexão sobre como a vida na comunidade virtual tem muitas vezes se desconectado da vida pessoal foi também bem explorada pelos convidados. A jornalista Taísa Echterhoff lembrou que o papa cita uma expressão em sua mensagem, que é ‘do like ao amém’, comentando que “quando estamos em nossa casa, em nossa zona de conforto, é ótimo utilizar as redes sociais, mas não pode parar por aí, por isso ele pede uma Igreja em Saída”.

dsc_0764

Um consenso que houve entre os participantes do programa foi a necessidade de autorreflexão sobre como alcançar as pessoas, principalmente com o desafio de humanizar a comunicação em meio a quantidade de notícias ruins que chegam todos os dias às pessoas. A busca por comunicação que seja pronunciada com paixão, em busca de soluções, foi enfatizada como algo fundamental nos dias de hoje.

No tema das ‘fake news’, o debate gerou reflexões profundas tanto sobre como evitar essa prática na mídia e nas redes, como sobre o período que se vive não apenas no Brasil, caracterizado por Dom Peruzzo como uma época de “Pós-verdades”, em que as mensagens se apresentam apenas sob a ótica que convém a quem comunica.

O papel das Pastorais de Comunicação (Pascom) nas paróquias e dioceses em todos os lugares do Brasil foi abordado no programa, quando os convidados enfatizaram a importância de que cada paróquia consiga, de sua forma, comunicar. Padre Kleina comentou, neste tema, sobre uma experiência que tem sido colocada em prática na Arquidiocese de Curitiba: a Escola de Comunicação da Arquidiocese, que tem realizado encontros para formar agentes de Pascom nas paróquias.

dsc_0792

Após o término do programa, Dom Peruzzo celebrou no Santuário Nossa Senhora de Guadalupe a Santa Missa ao Dia Mundial das Comunicações, com a benção aos comunicadores.

Assista ao programa na íntegra:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Curta Nosso Facebook
Comissões Pastorais

Boletim Informativo