Missa marca 125 anos da Diocese de Curitiba e a abertura do Mês Missionário

missa-28-09
Em 30 de setembro de 2019 a Arquidiocese de Curitiba comemora os 125 anos de sua instalação, ainda como Diocese, que aconteceu em 1894, dando posse ao primeiro bispo, Dom José de Camargo Barros. O dia marcará também a conclusão do Ano Jubilar de 350 anos da Paróquia Nossa Senhora da Luz dos Pinhais da Catedral Basílica, iniciado em 8 de setembro de 2018.

Para comemorar este importante marco na história de nossa Arquidiocese, o arcebispo, Dom José Antônio Peruzzo, celebra missa no sábado, dia 28 de setembro, às 9 horas na Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Luz dos Pinhais. A missa será também o momento oficial de lançamento do Mês Extraordinário Missionário na Arquidiocese de Curitiba.

Convidamos a todos para esse momento de unidade, onde todas as paróquias celebram sua pertença a esta Igreja local!

Viva a Arquidiocese de Curitiba!

Sobre os 125 anos da Diocese:
a-catedral-e-o-povo-acorrendo-a-ela-no-dia-de-sua-inauguracao-7-de-setembro-de-1893

Com a Bula Ad Universas Orbis Ecclesias, o papa Leão XIII, criou a Diocese de Curitiba em 27 de abril de 1892. Sua instalação canônica, porém, só aconteceu com a posse do primeiro bispo, Dom José de Camargo Barros, a 30 de setembro de 1894. Antes desse momento, a Igreja do Paraná esteve sob jurisdição canônica de outras dioceses, sendo de 1551 a 1575 da Diocese de São Salvador, de 1575 a 1745, da Prelazia e depois Diocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, e de 1745 a 1892, da Diocese de São Paulo. A posse do Bispo de Curitiba foi celebrada a partir das 13h do dia 30 de setembro de 1894, com procissão saindo da Igreja do Rosário em direção à então Igreja Matriz de Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, tornada, a partir dessa data, Catedral Diocesana de Curitiba.

Atualmente, a Arquidiocese de Curitiba é governada pelo seu oitavo bispo – sexto arcebispo considerando a elevação da Diocese a Arquidiocese em 1926. É composta por 143 paróquias, divididas entre 11 municípios (Curitiba, Almirante Tamandaré, Balsa Nova, Campo Largo, Campo Magro, Colombo, Itaperuçu, Palmeira, Pinhais, Porto Amazonas e Rio Branco do Sul), organizados em 3 regiões episcopais (Norte, Sul e Centro-Oeste), estando cada uma dessas subdivididas em 5 setores pastorais cada.

Sobre o Mês Extraordinário Missionário
mes-missionario-2019

A Igreja Católica no Brasil realiza sempre no mês de outubro a Campanha Missionária. Neste ano, a Campanha será celebrada de maneira especial, pois a Igreja em todo o mundo foi convidada pelo Papa Francisco para viver o Mês Missionário Extraordinário. Os objetivos principais deste mês são despertar, em maior medida, a consciência da missio ad gentes (missões entre diferentes culturas) e retomar com novo impulso a transformação missionária da vida e da pastoral na Igreja local. Todas as lideranças da Igreja são convidadas a verdadeiramente assumir com entusiasmo o anúncio do Evangelho e a transformação das comunidades em realidades missionárias e evangelizadoras, aumentando o amor pela missão (EG n. 268). Os 15 setores paroquiais de nossa Arquidiocese articularam atividades para experiências de saídas missionários nas paróquias e comunidades, visitando, animando, formando e dando um novo vigor pastoral.

Curta Nosso Facebook
Comissões Pastorais

Boletim Informativo