Monsenhor Francisco Fabris: 80 anos de vida

mons-francisco

Referência em nossa arquidiocese pela dedicação à formação sacerdotal, Monsenhor Francisco Fabris completa hoje, 19 de outubro de 2020, 80 anos de vida. Nosso “Padre Chico”, morando no seminário São José há mais de 50 anos, é referência para os seminaristas e também para todo o clero da Arquidiocese. É também reitor do Santuário Nossa Senhora do Equilíbrio e dito por quem o conhece como ‘exemplo de devoção e humildade’.

“O que marcou e marcará minha vida até o fim é o grande amor a Maria e à Eucaristia. Em meu ministério sacerdotal sempre fui impulsionado por essas duas devoções, que me fortalecem”, diz o padre, em depoimento gravado pela Pastoral Vocacional de nossa Arquidiocese. No mesmo depoimento, o padre revela a grande emoção ao pegar a hóstia para a primeira consagração, na sua primeira missa: “Eu tremia tanto. A missa é o ponto alto do meu sacerdócio. É onde sempre pude fazer o bem no seminário e nos locais em que servi”.

Nascido em Rondinha, Monsenhor Francisco atendia no início de seu sacerdócio na Capela de Antônio Rebouças, que tem Nossa Senhora do Carmo como padroeira. Também atendeu na Capela de Nossa Senhora do Bom Conselho, preparada por ele para ser  elevada a Paróquia. E depois, passou ao Santuário Nossa Senhora do Equilíbrio. “Ou seja, sempre estive ao lado de Maria”, lembra ele.

Ontem, 18 de outubro, a Comunidade Santa Cruz, ligada ao Santuário Nossa Senhora do Equilíbrio e à qual ele é o atual diretor espiritual, celebrou missa em homenagem ao Monsenhor Francisco. “Como não ter carinho e admiração por Monsenhor Francisco. No meu grupo de jovens ele vinha sempre dar uma palavrinha, mas acabava dando uma aula de amor a Deus e de humildade (…) Deus seja louvado por sua vida e seu sim”, disse das jovens ao final da celebração.

 

Desejamos Felicidades ao “Padre Chico”, louvando a Deus pelo dom de sua vida.

 

Curta Nosso Facebook
Comissões Pastorais

Boletim Informativo