Diga não à corrupção

Peçamos juntos para que aqueles que têm poder material, político ou espiritual não se deixem dominar pela corrupção. Esta é a intenção de oração proposta pelo Papa Francisco neste mês de fevereiro.

De fato, no vídeo o Papa Francisco afirma que a corrupção não se combate com o silêncio. “Devemos falar, denunciar seus males, compreendê-la para poder mostrar a vontade de reivindicar a misericórdia sobre a mesquinhez, a beleza sobre o nada.”

O Pontífice define a corrupção “um processo de morte que nutre a cultura da norte”, que está na raiz da escravidão, do desemprego, do abandono dos bens comuns e da natureza.

“A ambição do poder e do ter não conhece limites”, diz ainda o Papa. Por isso, “peçamos juntos para que aqueles que têm poder material, político ou espiritual não se deixem dominar pela corrupção”.

 

 

Curta Nosso Facebook
Comissões Pastorais

Boletim Informativo