Pastoral Carcerária realiza Assembleia Regional em Paranavaí (PR)

Nos dias 17 e 18 de setembro, no Centro de Obras Sociais da Diocese de Paranavaí (COSDIPA), aconteceu a Assembleia Regional da Pastoral Carcerária, reunindo 42 coordenadores e agentes de pastoral de 12 dioceses, das 18 do Regional Sul 2 da CNBB. O objetivo da Assemblei foi partilhar, estudar, discutir e discernir a missão da pastoral no Paraná.

Dom José Antonio Peruzzo, arcebispo de Curitiba (PR) e bispo referencial para a Pastoral Carcerária no Paraná, esteve presente no encontro e partilhou sobre como interpretar a missão, a partir da Palavra, evidenciando que não se trata de uma ação em busca de sucesso e resultados imediatos, mas de uma presença profética e cheia de ternura junto às pessoas presas e seus familiares, impulsionada pelo Espírito.

A assessoria da Assembleia foi realizada pela irmã Petra Sílvia Pfaller, coordenadora nacional da Pastoral Carcerária; e pelo padre Dirceu Fumagalli, da Comissão Pastoral da Terra (CPT) e da coordenação estadual da 6ª Semana Social Brasileira (6ª SSB). No sábado, irmã Petra contribuiu com a análise de conjuntura, apresentando os dados atuais do sistema carcerário paranaense e o recente relatório publicado pelo Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura sobre a situação em unidades prisionais, visitadas em maio deste ano. Padre Dirceu apresentou o cenário mais amplo da situação do país, a partir das reflexões da 6ª SSB, cujo tema é Mutirão pela Vida: por Teto, Terra e Trabalho, inspirado no Papa Francisco; e a vocação política da Igreja, a partir do Caderno Encantar a Política da CNLB. O domingo foi marcado pelo chamado à ação, a partir das campanhas nacionais contra a pena de multa, a preocupação com a mulher presa e as restrições do serviço pastoral nas unidades.


Coordenação Regional da Pastoral Carcerária (esq. à dir.): Diácono Manuel, Irmã Luciene, Lucas, Padre Flávio e Cristina.

Durante todo evento, artesanatos produzidos por pessoas presas ficaram expostos. Houve um momento de partilha das experiências na missão nos cárceres com a metodologia do círculo, conduzida pela Cristina Coelho, coordenadora regional para a questão da mulher presa. Também participou da Assembleia Dom Mário Spaki, bispo de Paranavaí. Os participantes redigiram uma carta, que pode ser lida CLICANDO AQUI. O encontro encerrou com a celebração eucarística, com uma bênção especial para os agentes de todo o estado.

__

Por
Lucas Duarte
Coordenação Regional da Pastoral Carcerária
FONTE: CNBB Regional Sul 2

Curta Nosso Facebook
Comissões Pastorais

Boletim Informativo