Dom Francisco Cota é nomeado bispo de Sete Lagoas (MG)

O Papa Francisco anunciou hoje, 10 de junho, que aceitou a renúncia ao governo pastoral da Diocese de Sete Lagoas (MG) apresentada por Dom Aloísio Jorge Pena Vitral. O Pontífice então nomeou como novo bispo para Sete Lagoas Dom Francisco Cota de Oliveira, até então bispo-auxiliar de Curitiba.

Dom Francisco Cota. Foto: Patryck Madeira
Dom Francisco Cota. Foto: Patryck Madeira

Dom Francisco comenta como recebeu a notícia da nomeação:

“Recebo a notícia com a compreensão de que devemos atender sempre o chamado da Igreja. Num primeiro momento logicamente fica um pesar, por sair após tão curto tempo – pouco mais de dois anos e meio – em meio a trabalhos tão bonitos que iniciamos e ainda estamos em construção, como é o caso das ações da Dimensão Social. Temos porém uma base para que tenha sequencia e continuarei com contribuições agora de outras formas. Não posso deixar de expressar minha gratidão. Aqui fui muito bem acolhido por todos. Dom Peruzzo nos acolheu e deu muita abertura para a darmos o melhor pela Arquidiocese e assim o fizemos. Agradeço também ao clero e aos leigos, sempre muito acolhedores. Agora, sinto como uma delicadeza de Deus retornar a Minas Gerais, logo na diocese vizinha à minha de origem, Divinópolis, pois lá em Sete Lagoas tenho também muitas memórias afetivas. Serei o sexto bispo lá. Passarei a ter um distanciamento físico da Arquidiocese de Curitiba, mas continuarei muito próximo afetivamente”.

Dom Francisco Cota de Oliveira é mineiro natural de Onça do Pitangui, Diocese de Divinópolis. Foi ordenado sacerdote em 1° de agosto de 1999 e nomeado bispo em 7 de junho de 2017, como Auxiliar de Curitiba. A posse em Sete Lagoas é prevista para 1º de agosto de 2020

Dentro da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, é membro da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Sociotransformadora.

*com informações de VaticanNews

Curta Nosso Facebook
Comissões Pastorais

Boletim Informativo