Centenária comemora aniversário com o tradicional Bolo de Santo Antônio

Apolonia

No dia 06 de junho de 1923 nascia, em Curitiba, dona Apolônia Zych. Hoje ela vive em uma casa de repouso no bairro Água Verde, onde recebe cuidados médicos necessários. Em sua cadeira de rodas, a acolhida às pessoas que a visita é sempre com alegria. “Ela recebe todos com uma salva de palmas e sempre sorrindo”, diz sua nora Anizia Zych.

Para celebrar seu dia, foi decidido que a comemoração seria com um bolo de Santo Antônio da Paróquia Senhor Bom Jesus dos Perdões, cuja tradição é conhecida em todo o estado do Paraná. Inclusive, parte da família veio de Irati, aproximadamente a 153Km de Curitiba, para comemorar esta data tão importante. Incluindo seu filho José Carlos Zych.

A devoção a Santo Antônio se deu por ter vários parentes que se chamam Antônio ou Antônia. Em Irati, onde morou grande parte de sua vida, ela participava todo ano da entrega dos pãezinhos de Santo Antônio, organizado por uma família amiga. Dona Apolônia tem uma bisneta que se chama Antônia e faz aniversário no dia 1 de junho, próximo ao dela.

Apolonia

“Ela sempre esteve disposta a ajudar os outros. Procurou fazer o bem de forma tranquila e acolhedora. Eu nunca vi um atrito dela com meu pai”, afirma o filho José Carlos.

Convidado pelos parentes, Frei Florival Mariano de Toledo, ofm, participou da festa e abençoou a devota centenária de Santo Antônio. Todas as suas colegas de moradia, funcionárias e parentes rezaram com ela e na sequência cantaram os parabéns.

“É uma imensa gratidão poder compartilhar da vida do outro e perceber a alegria passado tanto tempo dela e sentir a força que transparece no sorriso e no olhar estalado de felicidade”, fala Frei Florival.

“A presença do franciscano vem recheada da força do Espírito. Levar a alegria para as pessoas, independente da situação que vivem, é uma missão que temos em nossa essência como cristãos. É como diz o canto: ´Onde houver tristeza, que eu leve alegria´, conclui o frade que sempre visita o asilo.

Apolonia

Um século

 Nos últimos 100 anos, houve uma série de acontecimentos significativos que moldaram o mundo em que vivemos hoje. Em todo este tempo, muitas coisas aconteceram que impactaram a humanidade.